PROCON POTIM DIVULGA NÚMEROS DE ATENDIMENTOS

Em três meses setor atendeu mais de 200 pessoas

O PROCON de Potim divulgou nessa semana o número geral de atendimentos realizado no primeiro trimestre de 2017. Ao todo o setor atendeu 263 pessoas em assuntos ligados a resoluções de reclamações de pessoas físicas e jurídicas, além de serviços essenciais.

De acordo com o relatório março foi o mês em que houve maior atendimento totalizando 78.

Para o Coordenador do CCS- Centro de Cidadania e Serviço, órgão em que se encontra o PROCON Potim, Valdecir Henrique, esse número se deve ao maior conhecimento da população de que o órgão existe e trabalha para os consumidores. “ Nos dois primeiros meses o número foi menor, no entanto com o conhecimento de que o órgão está à disposição o setor vem ganhando mais usuários”, e completa “ Estamos à disposição dos munícipes para auxiliar nas questões ligados ao direito do consumidor”, finalizou.

Para o advogado, Luís Fabiano, que é responsável pelo PROCON Potim, o serviço hoje prestado e de qualidade uma vez que os índices de resoluções estão em alta e que o número de ações não resolvidas é de 0.

“ Trabalhamos de maneira clara e transparente. Queremos que o consumidor tenha o seu direito garantido, e para isso trabalhamos arduamente, estando em contato com cada empresa afim de resolver a situação sem a necessidade de audiências. O direito do consumidor tem que ser exigido em sua totalidade” afirmou.

O PROCON Potim fica a rua Pedro Andrini número 71, no CCS- Centro de Cidadania e Serviço de Potim das 08h às 17 horas.

PROCON SP

Criada pela Lei nº 9.192, de 23 de Novembro de 1995, e Decreto nº 41.170, de 23 de setembro de 1996, a Fundação Procon-SP é uma instituição vinculada à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo e tem personalidade jurídica de direito público, com autonomia técnica, administrativa e financeira.

 

O Procon-SP tem como missão principal equilibrar e harmonizar as relações entre consumidores e fornecedores. Tendo por objetivo elaborar e executar a política de proteção e defesa dos consumidores do Estado de São Paulo. Para tanto conta com o apoio de um grupo técnico multidisciplinar que desenvolve atividades nas mais diversas áreas de atuação, tais como:

 

  1. educação para o consumo;
  2. recebimento e processamento de reclamações administrativas, individuais e coletivas, contra fornecedores de bens ou serviços;
  3. orientação aos consumidores e fornecedores acerca de seus direitos e obrigações nas relações de consumo;
  4. fiscalização do mercado consumidor para fazer cumprir as determinações da legislação de defesa do consumidor;
  5. acompanhamento e propositura de ações judiciais coletivas;
  6. estudos e acompanhamento de legislação nacional e internacional, bem como de decisões judiciais referentes aos direitos do consumidor;
  7. pesquisas qualitativas e quantitativas na área de defesa do consumidor;
  8. suporte técnico para a implantação de Procons Municipais Conveniados;
  9. intercâmbio técnico com entidades oficiais, organizações privadas, e outros órgãos envolvidos com a defesa do consumidor, inclusive internacionais;
  10. disponibilização de uma Ouvidoria para o recebimento, encaminhamento de críticas, sugestões ou elogios feitos pelos cidadão quanto aos serviços prestados pela Fundação Procon, com o objetivo de melhoria continua desses serviços.

 

A Fundação é o ente público pioneiro na defesa do consumidor do Brasil sendo considerado sinônimo de respeito na proteção dos direitos do cidadão. Os frutos deste trabalho são colhidos a cada passo dado rumo ao equilíbrio e harmonização das relações de consumo, e à incessante busca, inclusive por meio dos serviços oferecidos pela instituição, para a melhoria da qualidade de vida da população bem como facilitar o exercício da cidadania.

 

ESCLARECIMENTO

 

A Fundação Procon-SP não possui qualquer vínculo ou convênio com nenhuma empresa fornecedora de produtos ou serviços, tampouco com escritórios de advocacia.

 

O convite para comparecer em escritórios de advocacia, supostamente conveniados com o Procon caracteriza crime e infração ética aos estatutos da advocacia. Os serviços da Fundação Procon – SP são gratuitos – solicitamos  aos consumidores que denunciem esta prática ao próprio Procon e, se possível, também em uma Delegacia de Polícia e na Ordem dos Advogados do Brasil.

 

A Ouvidoria do Procon pode ser contatada pessoalmente ou por carta no endereço Rua Barra Funda, 930 – Barra Funda – CEP 01152-000–São Paulo–SP ou pelo telefone 0800-377-6266

 

 

Sobre Imprensa

Imprensa de Potim 12 3112-9200 Ramal 9204

Confira Também

Lista de Convocados para o programa Bolsa Trabalho

A Prefeitura de Potim informa: No link abaixo, você encontra a lista de aprovados para …